quinta-feira, 9 de julho de 2020

p n a

Plano Nacional das Artes e uma das melhores coisas que li em muito tempo.
Um pdf que salva vidas.


1.
Árvore
a explosão lentíssima
de uma semente
Bruno Munari

2.
Todos têm direito à educação e à cultura
Constituição, artigo 73º

3.
Todos têm direito à fruição e criação cultural, bem como o dever de preservar, defender e valorizar o património cultural
Constituição, artigo 78º

4.
"Assim, educar para a cidadania, para a transformação social, para o bem-estar colectivo, é impossível se a educação não abarcar a dimensão artística e patrimonial"

5.
"O compromisso cultural do PNA estará integrado na vida das pessoas e das organizações como um factor assumido do seu desenvolvimento - então, o PNA tornar-se-à irrelevante"

6.
"Emocionar-se e divertir-se não podem estar em oposição a aprender e a conhecer"

7.
"Racionalizámos em demasia a educação, não promovendo suficientemente a formação dos afectos, a relação com o corpo, a valorização da autonomia, a capacitação para assumir os desafios e os falhanços, o prazer de aprender, de interpretar e intervir no mundo"

8.
"A especialização excessiva, tal como a homogeneização curricular, podem ser perigosas"

10 642.
Ler tudo - do início ao fim, incluindo notas bibliográficas


Boas coisas virão, espero.