quarta-feira, 1 de julho de 2020

hoje é mesmo caso para dizer



que odeio a minha vida, mas não quero parecer demasiado drástica.