quinta-feira, 2 de abril de 2020

leituras ao ouvido / cfp

A história que vem antes não interessa, adianto apenas que também me leram um poema - e gostei muito.

O que realmente interessa é que leram ao meu pai, pelo telefone, um poema de Ruy Belo. Escolheu, disse-me. Ainda tive uns 20 minutos ao telefone com a moça. Oh, tivemos a falar dos livros que tinha aqui e do que estava a ler...

Sorriso.