segunda-feira, 30 de março de 2020

vê-se melhor

À Sophia de Mello Breyner

Se a minha solidão falasse
não se sentava comigo à mesa.