terça-feira, 20 de fevereiro de 2018

fins de dia

Não é por atirares luz ao mundo que o mundo se ilumina
é por não atirares luz ao mundo que ele se ilumina.
A claridade: o que fica de certos movimentos secretos.
Depois de muito tempo sem perceber, vês.


Gonçalo M. Tavares